PLANTÃO / EDITORIAL

Eleições 2014: em quem devemos votar?, editorial do Jornal Sindsalem

26/09/2014
Sindsalem

O comercial do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que transformou a palavra de ordem das manifestações de junho de 2013 (“vem pra rua”) em “vem pra urna”, visa, evidentemente, influenciar os trabalhadores e a juventude a não apostarem nas lutas como meio de reivindicação, mas sim nas urnas. Não caiam nessa...

As lutas travadas pelos servidores da Alema, lideradas pelo Sindsalem, não tiveram a mesma dimensão das lutas ocorridas em junho. No entanto, elas foram decisivas para as conquistas obtidas pela categoria. Foram importantes, também, para perceber quem são, de fato, os aliados de todos nós, servidores.

As eleições para deputados estaduais estão em curso, assim como a de governador. Para o Executivo, concorrem seis candidatos: Saulo Arcangeli (PSTU), Lobão Filho (PMDB), Flávio Dino (PCdoB), Zeluis Lago (PPL) e Antônio Pedrosa (PSOL).

Embora sejam estes os candidatos registrados no TSE, não são os indivíduos, sozinhos, que vão governar o Estado. Quem governa é um partido ou grupo de partidos, sendo que estes expressam visões de mundo e, também, interesses de classes.

Diante disso, é importante que cada servidor conheça atentamente cada partido e de qual lado ele fica nos momentos de luta da nossa e das demais categorias. Deve saber, também, quem financia quem. “Quem paga a banda escolhe a música” é uma frase que deve orientar CONTRA quem devemos votar.

Se algum destes candidatos for financiado por empresário, banqueiro e/ou latifundiário é melhor se afastar dele, pois o “poderoso” que investe na campanha de um candidato vai querer escolher a música que melhor lhe soar aos ouvidos.

Em outras palavras, vai exigir que seus negócios tenham preferência em relação aos interesses da coletividade. Assim, a população terá menos investimentos na educação, saúde e transporte, por exemplo. Dito isso, o Sindsalem espera que, no dia 5 de outubro, os servidores da Alema não votem em nossos inimigos de classe e que, APESAR DAS URNAS, não abandonem as lutas diretas, nas ruas! 

Últimas notícias

Veja todasveja todas

Pesquisa

SERVIDOR

Sindicalize-seConvênios

PUBLICAÇÕES

JORNAL SINDSALEM

MAI/2017

Jornal Sindsalem - Ano 3 - Nº 21
SINDSALEM

Sindsalem @ . Todos os direitos reservados.
Av. Luís Eduardo Magalhães, 500, Loja 16, Centro Comercial Pátio Calhau.
São Luís–MA • CEP 65071-750 • Fone: (98) 99969-8710 • E-mail: sindsalemma@gmail.com.