PAINEL / CAMPANHA SALARIAL

Sindsalem e Alema voltam a negociar reivindicações

Na pauta: URV, concurso público, reajuste salarial, dentre outras reivindicações.

17/05/2018
Sindsalem

Em rodada de negociação realizada nessa quarta-feira (16/05), representantes do SINDSALEM e da ALEMA discutiram diversas reivindicações da Campanha Salarial 2018, dentre outros assuntos de interesse dos servidores estáveis e efetivos da Casa. Na avaliação do Sindicato, houve poucos avanços nessa reunião.

Dentre os pontos positivos, pode-se citar: a realização da licitação das refeições da creche e do restaurante até a próxima semana; a solução de pendências para que o servidor possa requerer empréstimos consignados nos bancos; e o retorno da sede do SINDSALEM para o prédio da ALEMA, demanda esta que deve ter um desfecho positivo nos próximos dias.

Já os pontos negativos da negociação dizem respeito, principalmente, ao novo concurso público e a implantação da URV nos vencimentos dos efetivos. Sobre essa reivindicação, a direção da Casa afirmou, num primeiro momento, que só implantaria a URV por ordem judicial.

“Para o SINDSALEM, isso é inadmissível, uma vez que para os servidores comissionados, tanto a incorporação da URV quanto a dos 21,7% ocorrem sem maiores problemas, por via administrativa” – argumentou o presidente do Sindicato, Luiz Noleto.

Após as colocações do SINDSALEM, os representantes da ALEMA se comprometeram a apresentar ao presidente da Casa, deputado Othelino Neto, a lista elaborada pelo Sindicato com o nome de todos os associados com ações sobre a URV. O mandatário decidirá a questão.

Em relação ao concurso público, apesar da decisão recente do STF, determinando a realização do certame, a ALEMA alegou que não foi notificada, mas, quando for, fará a defesa cabível contra a decisão, o que evidencia o desinteresse da Casa na realização do concurso. "Mesmo assim, estamos confiantes que, em breve, a ALEMA será obrigada a promovê-lo, por ordem do Supremo" - avaliou Noleto. 

Quanto ao reajuste salarial de 2,84%, que corresponde à reposição da inflação 2017/2018, novo impasse. “O SINDSALEM defende que esse percentual incida, também, sobre a gratificação de 5% concedida por resolução, sob pena desse benefício sumir com o tempo, impactando negativamente no poder de compra da categoria. A ALEMA não concorda, mas entendeu nossas ponderações e ficou de dar uma resposta definitiva sobre o assunto na próxima segunda-feira (21/05)” – revelou a vice-presidente do Sindicato, Teonília Balby.

Acerca do restabelecimento das gratificações de função para os servidores que as perderam por terem participado da greve da categoria, a ALEMA se recusa a atender ao pleito, pois não acredita ter havido retaliação em razão da greve. “Porém, ainda voltaremos a discutir essa questão, a fim de restabelecer essas vantagens aos servidores” – prometeu Noleto.

Durante a reunião, o SINDSALEM informou, ainda, que o ex-diretor de comunicação da Casa, Carlos Alberto, deu prosseguimento à ação penal contra o presidente Luiz Noleto, por supostas ofensas pessoais.

“Dei esse informe à direção da ALEMA, pois me defenderei incisivamente dessas acusações levianas. E não quero, em hipótese alguma, que esse impasse judicial comprometa o diálogo atualmente existente com a Mesa Diretora” – explicou.

Em resposta, os representantes da ALEMA, Valney de Freitas (diretor geral), Tarcísio Araújo (procurador-geral) e Eduardo Pinheiro (diretor de recursos humanos), garantiram que a ação judicial não vai interferir negativamente nas negociações. Além de Noleto e Teonília, representou o SINDSALEM na reunião, o diretor de assuntos parlamentares do Sindicato, Anderson Rocha.

Novas reuniões

Na próxima semana, uma nova rodada de negociação deve ocorrer para discutir o andamento das presentes reivindicações. As servidoras Luzenice e Tereza também têm encontro marcado com o procurador-geral da Casa, Tarcísio Araújo, para tratar da alteração da resolução sobre os adicionais de qualificação.

Assembleia geral

No dia 25 de maio, no Plenarinho, a partir das 9h, o SINDSALEM realizará uma Assembleia Geral para explicar todos os detalhes das negociações para a categoria. Servidor: compareça. A luta continua! 

Últimas notícias

09/11/2018 - Nota de Falecimento

SINDSALEM lamenta a morte da colega Regina Marinho

26/10/2018 - Confraternização

Festa do Servidor 2018 será neste sábado (27/10)

Veja todasveja todas

Pesquisa

SERVIDOR

Sindicalize-seConvênios

PUBLICAÇÕES

JORNAL SINDSALEM

AGO/2018

Jornal Sindsalem - Ano 4 - Nº 22
SINDSALEM

Sindsalem @ . Todos os direitos reservados.
Av. Luís Eduardo Magalhães, 500, Loja 16, Centro Comercial Pátio Calhau.
São Luís–MA • CEP 65071-750 • Fone: (98) 99969-8710 • E-mail: sindsalemma@gmail.com.