PAINEL / CONCURSO PÚBLICO

Presidente Othelino não prioriza concurso da ALEMA

Um cronograma foi montado. Porém, nada foi cumprido e o concurso segue sem data de realização.

16/03/2020
Da Agência Tambor

Existe uma decisão, da Justiça do Maranhão, determinando que a Assembleia Legislativa do Estado faça concurso público para a contratação de servidores.

Sob a presidência do deputado estadual Othelino Neto (PCdoB), a Assembleia assumiu o compromisso de fazer o concurso em 2019. Um cronograma foi montado. Porém, nada foi cumprido e o concurso não foi feito em 2019.

Já estamos em março de 2020 e até o momento a Casa Legislativa, sob a presidência de Othelino Neto, não publica um edital para a realização do concurso.

A Agência Tambor vem cobrando, desde dezembro de 2019, uma posição de Othelino. Por que ele não realizou o concurso? Por que não cumpre uma decisão judicial? Por que ele não dá a mínima justificativa para a opinião pública? Que Maranhão é esse? Seguimos na base do “quero, posso e mando”? Que deputados são esses que não abrem a boca pra cobrar um concurso já determinado pela Justiça?

Para tentar entender melhor essa situação, que pra nós é absurda, a Agência Tambor procurou a Secretaria de Comunicação da Assembleia Legislativa, no dia 3 de março, solicitando uma entrevista com Othelino Neto.

No dia 7 de março, um sábado, houve um retorno da Assembleia para a Tambor. Nos foi pedido para indicar dia, hora e local da entrevista. Porém, na véspera da data indicada, a assessoria da Assembleia entrou em contato com a Tambor dizendo que Othelino não iria dar a entrevista. Nos foi dito que teria havido um mal entendido de nossa parte, pois ainda faltaria uma confirmação. A justificativa dada não convenceu.

Para nós fica cada vez mais claro que o concurso não é prioridade para a Assembleia Legislativa do Maranhão, um parlamento que funciona com menos de 5% de servidores concursados, com um orçamento anual de mais de 433 milhões!

Na sexta-feira, 13 de março, mesmo com a ausência de Othelino Neto, os jornalistas Ed Wilson Araújo, Flávia Regina Melo e Emilio Azevedo debateram e cobraram, na Rádio Tambor, a realização de um concurso público para a Assembleia Legislativa do Maranhão.

E a cobrança vai continuar. A decisão judicial para realização do concurso existe. 

Últimas notícias

Veja todasveja todas

Pesquisa

SERVIDOR

Sindicalize-seConvênios

PUBLICAÇÕES

JORNAL SINDSALEM

JAN/FEV 2020

Jornal Sindsalem - Ano 6 - Nº 25
SINDSALEM

Sindsalem @ . Todos os direitos reservados.
Av. Luís Eduardo Magalhães, 500, Loja 16, Centro Comercial Pátio Calhau.
São Luís–MA • CEP 65071-750 • Fone: (98) 98260-0012 • E-mail: sindsalemma@gmail.com.