PAINEL / CAMPANHA SALARIAL

Absurdo! AL não dialoga sobre demandas dos servidores

Sindsalem cobra agendamento de reunião com a Mesa Diretora para discutir reivindicações da categoria!

12/02/2021
Sindsalem

O Presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão (ALEMA), deputado Othelino Neto, assim como os demais parlamentares da Casa, tem buscado o diálogo com diversas autoridades, instituições e setores da sociedade civil, a fim de reforçar a luta e buscar soluções contra a privatização de estatais, contra a reestruturação de bancos públicos, pela atualização da legislação ambiental do Estado, pela intensificação da vacinação contra a Covid-19, em defesa das mulheres indígenas e quilombolas, dentre outros temas de ordem política e social.

Enquanto isso, nenhum diálogo ou novidade sobre o novo concurso público da ALEMA nem sobre as demais reivindicações dos servidores referentes à Campanha Salarial 2021, como a reforma do PCCV, a reposição salarial, o aumento do tíquete-alimentação, o adicional de qualificação e o abono permanência. Convidados pelo SINDSALEM para conversar sobre essas demandas, o presidente Othelino e seus pares simplesmente silenciam, em desrespeito aos anseios da categoria e em clara desobediência à decisão judicial ratificada pelo STF, que - em 2018 - estabeleceu o prazo de 180 dias para a realização do novo concurso da Casa.

“Estamos em 2021 e, até hoje, nada de concreto foi feito sobre esse concurso. Não vemos essa preocupação dos deputados com essa questão tão importante para a própria ALEMA, ainda mais diante da informação de que mais de 40% dos servidores estáveis e efetivos estão prestes a se aposentar, o que prejudicará o funcionamento da Assembleia e abrirá as portas para mais comissionados. Além do mais, a Mesa Diretora tem se esquivado de negociar as reivindicações da categoria sem qualquer explicação” – criticou o presidente do SINDSALEM, Nataniel Serejo.

Diante disso, Nataniel questionou o motivo do silêncio dos deputados sobre o concurso e sobre as demandas dos servidores. “Afinal, por que vocês não querem dialogar sobre esses temas, assim como dialogam sobre todos os demais, a exemplo dos citados no início desta matéria? Por que vocês se recusam a se reunir com o Sindicato, que solicitou uma reunião com a Direção da Casa desde o dia 22 de janeiro e não obteve qualquer retorno?” – perguntou.

Sem respostas da ALEMA, só resta ao SINDSALEM intensificar a mobilização para conseguir uma reunião sobre a Campanha Salarial e, sobre o concurso público, buscar o Ministério Público e o Judiciário, a fim de descobrir esse mistério e apurar o possível crime de desobediência por parte da Direção da Casa, tendo em vista que a realização do certame foi determinada pela Justiça desde 2018, mas até então a decisão tem sido descumprida, frustrando a categoria e, sobretudo, a sociedade, que anseia por esse concurso” – finalizou Nataniel, convocando a população, os servidores e os concurseiros a se engajarem nessa luta!

📌 Saiba mais em: www.sindsalem.org.br.

#sindsalem
#concursopublico
#concursoAssembleiaMA
#assembleialegislativa
#vamosàluta 

Últimas notícias

Veja todasveja todas

Pesquisa

SERVIDOR

Sindicalize-seConvênios

PUBLICAÇÕES

JORNAL SINDSALEM

JAN/FEV 2020

Jornal Sindsalem - Ano 6 - Nº 25
SINDSALEM

Sindsalem @ . Todos os direitos reservados.
Av. Luís Eduardo Magalhães, 500, Loja 16, Centro Comercial Pátio Calhau.
São Luís–MA • CEP 65071-750 • Fone: (98) 98260-0012 • E-mail: sindsalemma@gmail.com.